Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Casais Recriam Beijos na Times Square

Os veteranos Ray e Ellie Williams recriam o icônico beijo na Times Square, em Nova York, no dia 14 de agosto de 2015

Centenas de casais recriaram nesta sexta-feira, em Nova York, a célebre cena de beijo na Times Square, uma foto tirada em 14 de agosto de 1945 pelo fotógrafo Alfred Eisenstaedt e que se tornou o símbolo do fim da Segunda Guerra Mundial.


A foto "V-J Day in Times Square" (V-J representando a vitória sobre o Japão) mostra um marinheiro americano beijando uma enfermeira vestida de branco.
Os homens que participaram da recriação desta sexta-feira usavam um chapéu branco de marinheiro, enquanto as mulheres usavam um cor-de-rosa. Alguns recriaram o traje exato que o casal usava há 70 anos.
Casais recriam o icônico beijo na Times Square, em Nova York, no dia 14 de agosto de 2015
Todos se beijaram, com a mesma pose original, para a alegria dos turistas que visitavam a famosa praça nova-iorquina.
Um casal de idosos, Ray e Ellie Williams, que se casaram em 15 de agosto de 1945, eram os convidados de honra, e vieram especialmente da Geórgia (sul).
Ray Williams relembrou a alegria com a qual recebeu em 1945 o anúncio do fim da guerra.
"Era uma sexta-feira à noite, todo o país estava mergulhado em alegria", contou. "E nós estávamos duplamente emocionados, porque festejávamos a guerra e nosso casamento", completou.
Uma escultura de vários metros de altura, réplica do casal do famoso beijo, foi instalada na Times Square para a ocasião.
Na tarde de 14 de agosto de 1945 mais de dois milhões de pessoas chegaram nesta praça, onde estava então instalado o jornal New York Times, para escutar as últimas notícias, e um enorme grito de alegria que comemorou o anúncio do fim da guerra, contou um dos organizadores.
A foto de Eisenstaedt do V-J Day foi publicada uma semana depois pela revista Life.
O fotógrafo não perguntou o nome aos fotografados, cujos rostos não são vistos claramente, e sua identidade segue sendo um mistério. Desde então, onze homens e três mulheres afirmaram que eram as pessoas da fotografia.
A capitulação do Japão ocorreu em meados de agosto de 1945, após o ataque nuclear dos Estados Unidos sobre Hiroshima e Nagasaki. A rendição foi firmada em 2 de setembro.