Boto: O Prazer Vem Das Águas no Amazon!Confira!

sábado, 25 de janeiro de 2014

Era e É

Foto: Brian Carter

Era e É 

Era um passarinho frágil 
Que andava de mão em mão. 
Um bater de asas ágil, 
Sem voo, mas nunca em vão. 

Preenchia os seus dias 
De pura sinceridade. 
Indicava aos outros as vias, 
Os caminhos da amizade. 

Era uma palavra terna, 
Escrita no momento certo, 
Um gesto que o amor governa, 
O carinho sempre por perto. 

Era e é ainda 
Uma canção pura e bela. 
Hoje e para sempre bem-vinda; 
Não há duas como ela.

Dulce Morais