Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Estudante palestina é fotograda minutos antes de ser morta por soldados de Israel

(Foto: Reuters)(Foto: Reuters)
Uma estudante palestina morreu após ser baleada por soldados israelenses em Hebron, na Cisjordânia. Os militares alegam que a jovem tentou esfaquear um dos homens que fazia a patrulha no local. 

Entretanto, testemunhas afirmam que a adolescente de 18 anos não entendia o idioma falado pelos soldados, gerando assim a confusão. 

“Ela estava em choque. Mesmo que tivesse uma faca, ela teria que passar por uma barreira de quase um metro para alcançar qualquer militar”, disse Fawaz Abu Aisheh, de 34 anos, que estava presente no momento. 

O óbito de Hadeel al-Hashlamon eleva a dois o número de palestinos mortos nas últimas 24 horas na região de Hebron, na Cisjordânia ocupada.
(Foto: Reuters)(Foto: Reuters)

Algumas horas antes, um palestino de 21 anos, Dia al-Talameh, faleceu em Dura, localidade próxima de Hebron. 

Ele morreu ao manipular um artefato explosivo que pretendia lançar contra um veículo de soldados israelenses, segundo o exército e moradores.  As forças de segurança palestinas afirmam que o jovem morreu ao ser atingido por tiros israelenses. 

Um vídeo postado no Youtube mostra os momentos após o incidente que culminou na morte da jovem. Nas imagens, soldados arrastam o corpo dela do local onde ela foi alvejada. 






Fonte:yahoo