Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

O HOMEM QUE FINGIU ESTAR EM COMA POR 2 ANOS. MAS POR QUÊ?

 

Um caso policial que ocorreu em Swansea, no País de Gales, chamou a atenção do mundo inteiro: Alan Knight, de 47 anos, passou mais de dois anos fingindo estar em coma.
A “mentirinha” foi inventada depois que Knight deu um golpe em um vizinho idoso e embolsou 40 mil libras da vítima. Para não pagar o que devia, ele resolveu ficar em coma após uma fratura no pescoço. Por dois anos.
Acontece que não só Knight não estava em coma mas também acabou sendo flagrado por médicos, que chegaram ao quarto do paciente e o encontraram comendo e até escrevendo. Além disso, o mentiroso foi flagrado pelas câmeras de segurança de um supermercado, empurrando um carrinho de compras.
A mentira de Knight teve o aval da sua esposa, Helen, que chegou a tirar fotos ao lado do marido “doente”. Depois que o plano de Knight falhou, ele acabou confessando todos os crimes de roubo e falsificação, pelos quais vai pagar na prisão, em breve.
Via Em Resumo
FONTE(S)