Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

domingo, 19 de janeiro de 2014

Belo amor

Queria amar,
nem que fosse por um dia,
ter-te ao meu lado,
ter sua companhia...

Queria viver apenas para
te ouvir falar,
falar que me ama, de verdade
sem ter que inventar...

Ai como queria que as juras,
não fossem falsas,
e as palavras vazias,
ai como queria ilusão...

Como seria bom se tudo
terminasse em amor,
ou ao menos não terminasse
em tristeza...

Ai como queria, amor todo dia,
amar de verdade, ou nunca
mais se enganar, não dá a quem não
merece, meu pobre coração,
meu pobre coração...