Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Tara perdida


E então procurei o meu coração,
apenas uma cápsula
tinha sobrado,
oca.

Depois de ti, ficou vazio,
ali,
caído,
mais um sem nome.

E tentei trocá-lo,
mas não me deram nada por ele.
É tara perdida,
foi o que me disseram.