Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

sábado, 2 de novembro de 2013

DESCULPE PRECISO FALAR! por Danka Maia






   O DOM NOSSO DE CADA DIA
Há uma coisa que muito enfada nas pessoas, qual? A ferrenha mania de achar que pode julgar, submeter ou menosprezar o Dom que cada um tem.
Nada me irrita tanto no ser humano!
De uns dias para cá, num espaço de cinco dias vi sete casos envolvendo pessoas que amo e por isso vim, quando é comigo tudo bem,sei me defender, mas com as pessoas que amo a coisa muda de figura.Fiz questão de conta-los, de certa forma queria ver até onde isto ia se disseminar.Os que pouco me conhecem sabem que falo muito pouco sobre o assunto a seguir, entendo que isso seja um princípio meu,minha verdade, o que creio, e são minhas atitudes que tem que se manifestar através de mim e não ficar enchendo o saco de ninguém com faça isso ou aquilo, caso contrário  você vai para o inferno.
Sou evangélica há pelo menos muito anos,pai Pastor, mãe Evangelista,sou formada Teologia,fui Professora da Escola Dominical Da Igreja Metodista de Bacaxá por uns oito anos, na sede do Grupo Jovem, Novos Convertidos, Classe Principal das sedes de Sampaio Correa e Amanteigado, estou falando por ostentação? Não, estou falando para que entendam que sei e bem sobre o que estou abordando aqui.
   As pessoas acham que quando você é evangélico, incluindo os próprios,precisa se afastar, cortar vínculos com seus "antigos" amigos, parentes, pessoas que conviveram contigo a vida toda, e mesmo que ainda não conhecessem a "Luz Divina", foram os que estenderam as mãos e muitas, muitas e muitas vezes lhe tiraram do sufoco, da merda, da tristeza, da aflição, enxugaram suas lágrimas infindas vezes, mas você viu a "Luz Divina"!
  Não, agora você é santo e não pode sentar-se juntos dessas mesmas pessoas!Larga a mão de ser besta, que amigo de verdade independe de religião,seja qual for!
  Olhem aqui,vamos parar com essa mediocridade espiritual que o homem colocou como jugo em cima do próximo e justificar como santidade.
O nome disso é ignorância e não sabedoria, é ingratidão e não separar joio do trigo.O nome disso é falta de respeito, consideração, lealdade e não exigência de Deus.Ele jamais pediu para que nos separássemos e sim que nos juntássemos. Quer falar sobre a luz da Bíblia, bora falar! Estou cansada de ver "irmãos e irmãs" enfiar o dedo um no olho do outro, sem dó, nem piedade, apontar desacertos, falhas como se estivesse num pedestal sacro e fossem xerifes das Leis Celestiais, como se Deus carecesse disto. Vamos recordar ,o Salmo 14; 1 diz que Deus "OLHOU LÁ DO CÉU SOBRE A TERRA, E NÃO VIU UM JUSTO SEQUER." Não existe ninguém melhor que ninguém,Deus não habita nisso!

Quer chamar a atenção de alguém para sua fé? Respeite-o!

Quer mostrar a alguém a sua verdade cristã? Seja o exemplo, e não cobre o exemplo do outro.

Quer acordar alguém para Deus? Desde quando Ele te intitulou para ser seu despertador?

Desperta é Tu que dormes! Quem está perdendo amigos, família, oportunidades de ser um bom Ser Humano é VOCÊ E O SEU PRECONCEITO DESCABIDO, IRRACIONAL E NADA SANTO!

   Há outro versículo que  meu povo(evangélico) adora arrotar: “Não toqueis nos meus ungidos” (Sl 105.15), meu querido, minha querida,pensas que estar na Igreja todo dia, segurar microfone,orar, faz de você ungido de Deus e seu próximo não? Errado, quando Deus mandou Samuel escolher o Rei de Israel, que era Davi,na época uma criança, Samuel olhou e até chegou escolher os filhos mais fortes e belos de Jessé,mas questionava O espírito de Santo através da mente ,Este foi enfático: " O homem olha aparência,eu olho o coração." Tome cuidado, a pessoa que  você execra, desfaz,menospreza,aponta, pode ser o Ungido que a vida inteira por causa de língua maldita não será!
  O Dom de uma pessoa,seja qual for,tem que ser respeitado. A Palavra de Deus é clara quando questionada sobre as dádivas que um ser humano pode ter:Isto não é dom de vós,é presente de Deus.
  Então, vamos à mão na consciência e pensar um bocadinho que não faz mal a ninguém? Quem sou eu ou você para julgar como bom ou ruim, sublime ou porcaria, dom ou falta dele a habilidade de uma pessoa?

Sabe quem somos se cometemos tal? Hipócritas!

  Minha intenção não é bancar certa ou errada, bonita ou feia,politicamente ou não correta.Como alguém que conhece a Deus,me vi na obrigação de primeiro deixar claro que Ele não tem nada haver com  a sua ignorância, segundo dizer as pessoas que você, seus olhos e sua língua vil falaram, que tenha pena de você, que ore por você! Porque  infelizmente  o papel que teria que estar sendo protagonizado por vossa senhoria terá que ser feito pelo seu próximo que talvez tenha mais espiritualidade que você e compreenda que o que raciocina nada tem haver com o que Deus tem para fazer na sua vida.

  Bora continuar,porque Deus é bom e a Benignidade dura de geração a geração!


 
Beijos Galera!