Quem sou eu?

Danka Maia é Escritora, Professora, mora no Rio de Janeiro e tem mais de vinte e cinco obras. Adora ler, e entende a escrita como a forma que o Destino lhe deu para se expressar. Ama sua família, amigos e animais. “Quando quero fugir escrevo, quando quero ser encontrada oro”.

As horas

Das horas tratam-se estas frases
A primeira abertura de seu olhar
Onde sinto que somos capazes
De criar as riquezas de se amar

Ao primeiro minuto do nascer
E o pulsar tranquilo do coração
Já posso sentir e vê-lo crescer
O laço unindo a nossa direção

No decorrer do nosso minuto
Passa-se aquela oportunidade
De sempre dar a cada segundo
A magia de ter a cumplicidade

Os milésimos dos segundos
Dizem que há cumplicidade
Dos nossos mais profundos
Sentimentos sem maldade

Nesses centésimos e tanto
Quero que saibas urgente
Que para o mundo eu canto
Que te amo magicamente

Mas não veja este ponteiro
Que o tempo quer mostrar
Pois, para mim, o dia inteiro
É pouco para eu te amar

Bom, das horas eu quis dizer
E o quão bom é você nelas
Pois o que tanto quero fazer
É te ver feliz sem olhar elas
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Agora no Blog!

Total de visualizações de página

Danka na Amazon!

Siga Danka no Instagran

Danka no Wattapad

Curta Danka no Facebook!

Seguidores

Danka no Google+

Confissões Com Um "Q" De Pecado

Entrevistas

Danka no Google+!

Danka no Twitter

Danka no Skoob

Seguidores

Arquivo do blog