Boto: O Prazer Vem Das Águas no Amazon!Confira!

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Parando o trânsito por uma boa causa: motoristas de ônibus posam nus para calendário beneficente!

Parando o trânsito por uma boa causa: motoristas de ônibus posam nus para calendário beneficente

Funcionários de concessionária de transporte coletivo inglesa são retratados em situação do cotidiano, só que sem roupa; renda será revertida para entidade que fornece helicóptero para socorro médico a quem não pode pagar


Funcionários da concessionária de ônibus inglesa exibem o calendário ao estilo Pirelli feito para ajudar entidade carente (Foto: The Grosby Group)
Um grupo de motoristas de ônibus ingleses resolveram tirar a roupa por uma boa causa: posar para um calendário cuja renda com a venda será revertida para um entidade que cuida de pessoas carentes.

Os funcionários da empresa The Tretbarton usaram os famosos double-decked bus (ônibus com dois andares) londrinos como cenário para fotos em que aparecem seminus ou totalmente despidos para o calendário 2015. Os lucros serão destinados para a Lincolnshire and Nottinghamshire Air Ambulance, uma entidade sem fins lucrativos que fornece atendimento médico de helicóptero gratuito para quem não pode pagar, segundo a assessoria da empresa.

Os motoristas da Trentbarton posam sensuais em posto de gasolina (Foto: The Grosby Group)


Trinta profissionais da empresa de transporte coletivo se voluntariaram para o ensaio, que os retrata em cenas do cotidiano profissional, só que sem roupa. O grupo usou cartões magnéticos customizados, códigos de trânsito e até peças dos veículos para cobrir as partes íntimas.

Na imagem de novembro, a equipe pode ser vista muito à vontade lavando um dos novos veículos da frota. Outra imagem “picante” mostra um motorista reabastecendo um dos ônibus, com a bomba de gasolina sendo a única barreira a esconder suas partes íntimas.

A ideia parece ter sido bem aceita pelos ingleses. A concessionária de transporte coletivo informou ter vendido uma primeira leva de 1 mil calendários desde o Natal e se prepara para imprimir uma nova edição. Cada um custa 4,99 libras (cerca de R$ 20).