Entre Quatro Paredes e Nada Mais LIVRO

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Aprender

Arte: Thaneeya McArdle

Aprender

Estudei muitos anos e não aprendi nada
Do que devia saber para viver.
Foi mais tarde que a vida me dispensou
As lições necessárias ao meu ser.
A primeira de amor me foi dada
Por um professor que soube bem ver
Por onde o meu coração passou,
E ofereceu tudo o que o podia ser.

Tive também um mentor insistente
Que tentou ensinar-me o desespero
Mas nunca consegui ser atenta às lições
A esperança em mim era forte demais.
O seguinte inculcou na minha mente
Da amizade o sal, o tempero
O poder, em todas as dimensões
Daquele que não poderia dar mais

O professor da mágoa também veio
E tentei aceitar o que tinha para dizer
Mas não devo ter compreendido a lição
Pois regularmente continua a voltar.
Mas gostei das aulas de devaneio
Da calma, da paz, do prazer
Que vive constantemente meu coração
Que só o sonho pode soltar.

Mas para aprender quem sou,
Só um professor pode ser útil. 
É o meu coração e a sua natureza,
Sou eu e o que faz a minha alma.


Dulce Morais